5 de outubro de 2009

Talvez por uma noite, talvez

Eu volto de Angola e a Susana de Moçambique. A Paula está a caminho da casa nova e a Patrícia está a meio da sua caminhada. Em breve, por uma noite que seja, vamos voltar a estar juntos. Muitos anos depois (quantos, ao certo?), vamos voltar a ocupar as quatro cadeiras do Maya. Por uma noite apenas, vamos voltar a Peniche, ao Redondo, a Badajoz, a Barcelona, a Saragoça e a Milão e também ao autocarro que nos levou até lá. Por uma noite só, vamos beber cinco litros de sangria, assar chouriços com uma tremenda falta de jeito, destilar vinho tinto e quase pegar fogo à cozinha. Vamos todos dormir no chão e deixar as camas vazias, só porque não chegam para toda a gente.

Andaremos tantos quilómetros no nosso carro velho que os pneus não aguentarão. O Variações e o Paião vão cantar ao lado do Bonga, do Manu Chao e da Cesária Évora. Será muito pimba, mas ninguém se vai ralar com isso.

Talvez a Susana beba demais, a Patrícia amue quando estivermos a gozar com ela e a Paula diga piadas de que toda a gente se ri sem perceber. Talvez eu diga coisas obscenas ao dono do restaurante que mal fala português. Talvez haja cigarros de louro que tão bem fazem ao trânsito intestinal.

Por uma noite só, por uma noite apenas, vamos todos voltar à idade que tínhamos quando fomos tão felizes como talvez não voltemos a ser, a não ser por uma noite só.

7 comentários:

Antígona disse...

:):):):) Gostei TANNNTO deste texto :):):)

cris disse...

Obviamente não conheço as pessoas de quem falas mas identifiquei-me tanto com o texto.
Se a tal noite acontecer depois posta e conta a experiência :)
Aquilo que tenho notado é que quando as pessoas se reencontram embora seja diferente, porque no fundo estamos todos diferentes, acaba por ser giro de outra forma :)

andorinhaavoaavoa disse...

O tempo não volta atrás e os momentos tendem sempre a ser diferentes. Tu estás diferente e elas, possivelmente, também. O que interessa é o que vos liga, agora. Se isso se mantiver inalterado vais recuperar tudo e divertir-te como na primeira vez! :)

Cris disse...

Ora portanto, parece que há outra cris a assinar comentários no teu blog... Esta que agora escreve é aquela Cris que tu gostas particularmente e carinhosamente de insultar... e só queria dizer que, no meio disso tudo, espero também eu ter direito a jantar! Bom regresso.

Patrícia disse...

Lindo!!! Que saudades...

you know who disse...

Meu amor, está tudo mto bem. Porém, tenho alguns reparos a fazer: espero q não seja por uma noite apenas e espero continuar a ser tão feliz e ainda mais do que fui naquele tempo. :) Ansiosa pelo regresso. Sensação de que as coisas se começam a compor...

Sereia disse...

Quando?